sábado, 29 de maio de 2010

notívaga


a...cor...do
escuro
é o sono.

a...cor...da
minha insônia
sou eu.

12 comentários:

Marcelo Novaes disse...

Rafaela,




Vamos fazer um acordo?! Eu não te acordo.



Escuro [e manso] é o sono.







Beijo.

Rafaela Figueiredo disse...

rsrs
acordados, pois! ;)

beijo, querido

Camilinha! disse...

Ah, fiquei esperando o post sobre a exposição! rs
Mas não tem como não admirar o que você escreve, então eu gostei desse também. =P

Beijos, Flor!

Rafaela Figueiredo disse...

rsrs
aiii, sabe q eu me esqueci?!
vem no próximo - prometo! ;)

beijo, flôzinha
(L)

marjoriebier disse...

Porque deve mesmo haver um acordo entre o escuro e o acordar. Na minha insônia eu sonho...

Beijo, lindeza!

Rafa disse...

eu sonho tb! :)
mto mais acordada, q dormindo, by the way...

=***

Wall disse...

E eu aqui, morrendo de sono!
ZZZzzzzz...

Devanir disse...

Parabéns por tudo que pensas e que escreves , estás ótima , gostei muito da homenagem para a Selma mãe, legal, bjsss.

sopro, vento, ventania disse...

querida, saudades, muitas, também.

Rafaela Figueiredo disse...

Amigo,
esse 'sofrimento' há de acabar!
mas dependemos de vc pro metrô funcionar! rsrs

beijobeijo

.

Dindo,
obrigada pelo carinho! ^^

beijo

.

AMADA,
maracanã só me lembra vc!!!
nunca te encontro por acaso, né? "/

beijão

Talita Prates disse...

ge-ni-al***

Rafaela Figueiredo disse...

tsc... nada! ^^

=P